Já imaginou ver o que acontece dentro de um tornado? É praticamente impossível conseguir enxergar qualquer coisa que esteja ocorrendo por perto de uma tempestade tão intensa. 

Segundo especialistas, um tornado geralmente é uma combinação de ventos fortes, chuvas intensas e, em sua maioria, granizo. A violência dos ventos e da água das chuvas que está sendo arrastada junto com o tornado é imensa.

Se você nunca viu um tornado pessoalmente, veja abaixo uma simulação criada por Leigh Orf, cientista do Instituto Cooperativo de Estudos de Satélites Meteorológicos (CIMSS) da Universidade de Wisconsin-Madison.

Orf lidera um grupo de pesquisadores que usam modelos de computador para desvendar o que há dentro dos furacões e as supercélulas que os produzem.

Usando dados de observação do mundo real, a equipe de pesquisa foi capaz de recriar as condições climáticas presentes no momento da tempestade e testemunhar os passos que levaram à criação do tornado.

Os dados arquivados, retirados de uma previsão do modelo operacional de curto prazo, foram na forma de um som atmosférico, um perfil vertical de temperatura, pressão do ar, velocidade do vento e umidade. Quando combinados da maneira correta, esses parâmetros podem criar as condições adequadas para a formação de tornados, conhecida como tornadogênese.

O trabalho é particularmente relevante porque os EUA lidera a contagem global de tornados com mais de 1.200 desses eventos anualmente, de acordo com a Administração Nacional Oceânica e Atmosférica.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.