Tudo sobre o curso de Engenharia de Telecomunicações

É a engenharia responsável pelos projetos das operações, manutenções de equipamentos e sistemas de telecomunicações. O engenheiro de telecomunicações desenvolve e implanta redes de telecomunicações.

Com formação sólida nas áreas de elétrica e eletrônica, ele cria, planeja e constrói aparelhos e equipamentos utilizados nas telecomunicações e dá manutenção aos sistemas e redes implantadas.

A engenharia de telecomunicações atua também no planejamento de distribuições de cabeamentos aéreos e subterrâneos, satélites artificiais, centrais de transmissão, captação, codificação e retransmissão dos sinais que interligam o planeta.

É do engenheiro de telecomunicações que toda a rede mundial de telefonia, transmissão de dados, redes de computadores, rádio e televisão dependem. Esse profissional atua em empresas concessionárias de serviços de telecomunicações, também  de telefonia fixa e móvel, de cabeamento estruturado e fibra óptica e de infraestrutura para os sistemas de telecomunicações.

O graduado em engenharia de telecomunicações, também encontra emprego na indústria eletroeletrônica, nos órgãos reguladores das atividades de telecomunicação e nas empresas e laboratórios de pesquisa científica e tecnológica.

Imagem aérea de Santa Rita do Sapucaí, Minas Gerais - Reprodução/ Então  Toma Produções
Imagem aérea de Santa Rita do Sapucaí, Minas Gerais – Reprodução/ Então Toma Produções

Graduação:

As disciplinas básicas incluem matemática, física, informática, desenho e cálculos. Na parte específica do currículo, terá aulas de princípios de comunicação, eletrônica analógica e digital, eletromagnetismo, processamento de sinais, linhas de transmissão, comunicações ópticas, fundamentos de telefonia, sistemas operacionais, sistemas de comunicações, técnicas digitais, redes de computadores de alta velocidade, televisão (analógica e digital) e comunicação via satélite e conceitos de administração.

Em algumas instituições de ensino, esse curso é oferecido como habilitação de engenharia elétrica.

Possíveis especializações:

O engenheiro de telecomunicações pode se especializar nas mais diversas áreas, como, por exemplo, infraestrutura, internet móvel, sistemas de transmissões de dados, entre outras.

Mercado de trabalho:

Os graduados em engenharia de telecomunicações não costumam ter dificuldade para trabalhar. Os grandes eventos da Copa do Mundo e dos Jogos Olímpicos exigirão muito de nossas telecomunicações. A rede de telefonia terá de suportar uma carga maior de ligações e a internet deverá estar disponível em hotéis, aeroportos e estádios.

O engenheiro de telecomunicações é um dos atores principais nesse cenário. As empresas e fornecedoras do setor, bem como as emissoras de TV a cabo, redes de rádio e televisão e terceirizadas que prestam serviços de manutenção para essas empresas também absorvem bem os recém- formados.

Fonte da Imagem de Santa Rita do Sapucaí – Então Toma Produções

Fonte da imagem  – Shutterstock