Para melhorar a cobertura sem afetar a paisagem de grandes cidades no Brasil, a TIM criou uma estrutura que camufla antenas de rede e une sustentabilidade e economia. O biosite é a aposta da empresa para ampliar cobertura e qualidade do sinal em locais de alta densidade de tráfego ou em zonas de sombra. O investimento e custo operacional de um biosite são até três vezes menores que o de uma antena tradicional, a instalação é feita em 48 horas e pode abrigar sistemas de monitoramento.

LABORATÓRIOS DE INOVAÇÃO – conceitos de cidades inteligentes estão sendo colocados à prova através de áreas de exposição como o Open Air Lab, em Turim (Itália), dedicado ao desenvolvimento do modelo de Cidade Inteligente. O objetivo é que se use tecnologia para melhorar a qualidade de vida e atender as necessidades de cidadãos, empresas e instituições.

A TIM entende que aumentar o acesso aos sistemas de gestão das prefeituras é um dos pilares para se estruturar cidades inteligentes. Através de uma parceria com a startup italiana Planet, a empresa está instalando no distrito de Croatá, em São Gonçalo do Amarante (Ceará), uma estrutura para que os moradores acessem internet via conexão de fibra ótica, redes 3G e 4G e WiFi. Sensores possibilitarão o smartgrid, sistema de gestão de consumo de energia elétrica. “Com essa tecnologia, aliada a outras, os moradores poderão dispor de aplicativos que facilitam o dia a dia na cidade”.

Conectividade, gestão eficiente de recursos e empoderamento do cidadão são peças chave do ecossistema das cidades inteligentes e é preciso engajar o cidadão e o servidor público.  Nesse sentido, a TIM desenvolveu a Zeladoria Urbana (ZUP), plataforma para auxiliar o processo de coleta, organização, análise, compartilhamento e monitoramento de informações sobre serviços urbanos. Ela também permite ao poder público criar mapas com itens georreferenciados, gerar relatórios e laudos automaticamente.

Saiba mais em nosso site (www.smartcitylaguna.com.br) e em nossas redes sociais: Facebook (fb.com/PlanetSmartCityBR),

Instagram (@PlanetSmartCityBR) e Youtube (Planet the Smart City)

Na próxima semana você vai entender como funciona o modelo Planet e entender alguns conceitos que serão aplicados na Smart City Laguna, fique atento em nosso canal.