Cientistas estão sugerindo uma técnica inusitada para enfrentar as mudanças climáticas: pulverizar com produtos químicos a atmosfera do planeta para abrandar a incidência solar.

Contudo os pesquisadores admitem que essa intervenção ainda é hipotética. Não há tecnologia ou aeronave adequada para executá-la.

Segundo um estudo realizado por pesquisadores e publicado na revista Environmental Research Letters, uma técnica conhecida como injeção estratosférica de aerossóis (SAI, na sigla em inglês) poderia reduzir pela metade a velocidade do aquecimento global.

Eles vão pulverizar com grandes quantidades de partículas de sulfato na baixa estratosfera da Terra, em altitudes de até 20 quilômetros, por meio de aeronaves especialmente projetadas, balões ou grandes canhões navais.

Os pesquisadores também reconhecem que o sistema hipotético poderia trazer consequências catastróficas, como secas ou condições meteorológicas extremas. Além disso, seu desenvolvimento levaria cerca de 15 anos e seria necessária a coordenação entre múltiplos países em ambos os hemisférios.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.

Para você que está procurando Bolsa de Estudo, temos bolsas de até 75% em mais de 1.200 faculdades de todo o Brasil. Encontre a sua Bolsa de Estudo clicando aqui.