Já imaginou uma máquina que consegue converter plástico como sacolas e garrafas de refrigerante em sua forma original, ou seja, em combustível. Impossível? Não para o cientista Japones Akinori Ito, fundador da empresa Blest Corporation.

Hoje, um terço do lixo doméstico é composto por embalagens. Cerca de 80% das embalagens são descartadas após usadas apenas uma vez. Com essa máquina iria se reciclar esse material que superlota os aterros e lixões e deixaria o petróleo mais barato. Ano passado 101 bilhões de litros de combustíveis foram comercializado no Brasil, seria ótimo para o meio ambiente se uma parte disso fosse gerado por essa incrível máquina.

998-19870262_300x250_GMA-US

Ela é capaz de transformar esses lixos plásticos em vários tipos de combustíveis como gasolina, querosene e diesel. E o melhor de tudo é que a máquina não emite poluição, pois quebra as moléculas de gases como metano, etano, propano e butano e as transforma em água e carbono, durante a conversão do plástico em óleo. A máquina foi criada em 2010 e desde então vem sendo aprimorada. Ele já vendeu a máquina para compradores de 80 países e também doou algumas de suas máquinas à comunidades pobres da África e Ásia, onde ele ajuda a promover educação ambiental para crianças.

O que impossibilita a popularização dessa máquina é o preço, mas Akinori diz que está fazendo de tudo para que essas máquinas sejam mais acessíveis a todas a população.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.