Os habitantes de grandes centros urbanos geralmente pensam em seu impacto no clima global se dá pelo fato de energia suja consumida ou de produtos comprados. Eles podem, no entanto, estar subestimando a importância de algo relativamente simples e que todas as cidades poderiam adotar em maiores escalas. 

O Parque Ibirapuera, por exemplo, removem uma quantidade surpreendente de poluentes da atmosfera, e isso nos prova que as florestas urbanas são uma linha de frente muito negligenciada na luta contra o aquecimento global.

A retirada de poluentes da atmosfera, melhora a saúde dos residentes urbanos. As árvores também refrigeram o ambiente local, fazendo com que as pessoas se adaptem mais facilmente a seus aparelhos de ar-condicionado e contribuem de forma importante para a saúde psicológica dos moradores da cidade.

Uma floresta tropical contém 190 toneladas de carbono por hectare. Como estes são destruídos para dar lugar a fazendas de gado ou plantações de soja, a maior parte desse carbono é liberada na atmosfera, chegando a estimados 15% do aquecimento global induzido pelo homem. 

leia mais em IFLSCIENCE.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.