São Francisco agora, vai diminuir as pegadas de carbono. O sistema de metrô (BART) da área da baía será em breve alimentado por 100% de energia renovável .

Dias atrás, o conselho do metrô aprovou uma política de carteira elétrica que exige que 50% da energia da organização seja proveniente de fontes renováveis ​​até 2025. Até 2045, o sistema de trens elétricos deverá funcionar com 100% de energia renovável .

Como a digital trends relata, este movimento tem implicações de longo alcance para a região inteira porque BART consome aproximadamente 400.000 megawatt-horas anualmente – o equivalente de uma cidade pequena dos EUA.

“Todos os dias, o BART facilita a locomoção e tira carros da estrada, além de ajudar a reduzir nossas emissões de gases de efeito estufa”, disse o diretor do BART, Nick Josefowitz. “Mas especialmente agora, o BART e a Bay Area devem assumir ainda mais responsabilidade em combater as mudanças climáticas. Embora não seja obrigatório cumprir os padrões de energia renovável do Estado, nos comprometemos a funcionar com 100% de eletricidade renovável e assumir um papel de liderança na descarbonização do nosso setor de transporte “. O sistema ferroviário já funciona em uma variedade de fontes de energia renováveis, incluindo energia solar, eólica e pequenas instalações hidrelétricas. Além disso, as emissões de carbono foram cortadas pela diminuição do número de automóveis nas estradas.

O Diretor de Sustentabilidade, Holly Gordon, disse sobre a iniciativa: “Estamos fazendo isso para promover a energia limpa, mas também estamos fazendo isso porque achamos que é rentável. Sentimos como se pudéssemos comprar energia limpa, mantendo custos baixos e estáveis ​​para o distrito também “.

O BART pode muito bem ser o primeiro sistema de transporte público eletrificado a se comprometer a operar com 100% de energia renovável – pelo menos nos EUA.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.