Imagem: REUTERS

Donald Trump, presidente dos EUA assinou nesta semana uma lei que define que a NASA terá como principal objetivo as missões tripuladas para o planeta Marte.

De acordo com o texto aprovado por unanimidade no Senado e na Câmara de Representantes, a agência espacial americana trabalhará para realizar “uma missão tripulada a Marte durante a década de 2030”, o valor repassado para a agência será de S$ 19,5 bilhões para o atual ano fiscal .

Trump disse que está “encantado” em sancionar a lei em cerimônia no Salão Oval da Casa Branca.

A lei reafirma a importância do programa Orion, uma cápsula para voar mais longe que qualquer nave espacial construída para transportar humanos. A Orion será lançada ao espaço por um foguete potente chamado “Space Launch System” (SLS).

“A Nasa deve continuar o desenvolvimento do SLS (…) para permitir a exploração humana da Lua, de Marte e além no próximo século”, diz o texto.

Esta lei “reafirma nosso compromisso com a missão central da Nasa: a exploração humana do espaço”, disse o presidente Trump ao assinar o texto na presença de vários legisladores, do vice-presidente do país, e das autoridades da Nasa.

Trump acrescenta ainda: “Nossa nação está pronta para voltar a ser a primeira no espaço”.

Após assinar a lei, Trump recebeu de presente dos representantes da Nasa uma jaqueta de astronauta. As informações são das agências EFE e AFP.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.