Para aqueles paranoicos que seus telefones estão gravando secretamente, não tenham medo. Uma equipe da Northeastern University não encontrou evidências de que seu telefone é responsável pela veiculação de anúncios segmentados.

Estes resultados foram publicados em um estudo realizado ao longo de um ano, e os pesquisadores testaram especificamente a teoria generalizada de que os telefones registram seus usuários. A teoria tornou-se tão popular que Mark Zuckerberg, do Facebook, teve que desmascarar o mito durante sua aparição perante o Congresso há alguns meses.

Embora o telefone em si possa não estar gravando tudo, a equipe da Northeastern University descobriu algo perturbador: em certos casos, os telefones podem gravar a tela de um usuário e enviar esses dados para terceiros interessados.

A fim de fazer suas descobertas, os pesquisadores assistiram 17.260 dos aplicativos Android mais populares. Isso incluiu qualquer aplicativo enviando informações para o gigante da mídia social Facebook. A equipe usou um programa automatizado que funcionava com os aplicativos e observou quais arquivos de mídia específicos estavam sendo enviados para esses grupos de terceiros.

A equipe também descobriu quais apps tinham permissão para acessar a câmera e o microfone. Esses aplicativos seriam capazes de ouvir a necessidade de um novo par de sapatos ou o quanto eles querem ver um filme em particular.

Não houve uma única instância nos 17.260 aplicativos que um deles enviou arquivos de áudio e ligou o microfone. No entanto, o estudo observou explicitamente suas limitações e não afirma definitivamente que os telefones nunca registram seus usuários. Os pesquisadores simplesmente disseram que não conseguiram encontrar evidências das atividades que estão ocorrendo.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.