8 aeronaves que nunca voaram

Nos últimos cem anos ou mais da indústria de aviões, foram fornecidos inúmeros projetos, alguns absolutamente bizarros. A maioria deles eram apenas projetos experimentais, mas eles eram tão loucos que é difícil acreditar que eles realmente decolaram. Então, preparem-se para ver os resultados mais peculiares de colocar juntos algumas asas, motores e um monte de criatividade.

Confira  abaixo os projetos insanos:

Caproni Ca.60 Noviplano: este hidroavião italiano teve nove asas e pode acomodar até 100 passageiros. Para ajudar a decolar com 100 passageiros e suas nove asas ele tinha oito motores! Ele só conseguiu chegar à altitude de 18 metros antes de quebrar e cair. O designer prometeu reconstruir e pilotá-lo com êxito, mas o protótipo foi misteriosamente queimado e tudo virou cinzas durante aquela noite.

Vought V-173: chamado de “Flying Pancake” ,era uma aeronave de teste experimental desenvolvido para a Marinha dos Estados Unidos em 1942. Ela foi feita em um  projeto “all-wing”, a fim de aumentar a área interna e usar o corpo como uma superfície de elevação. Em caso de decolar de um porta-aviões, não seria necessário usar quaisquer ganchos ou catapultas.

Snecma Flying “Coléoptère” (C-450):  coléoptère significa “besouro” em francês. Esta aeronave experimental, desenvolvida pela empresa francesa SNECMA, tinha asas anulares e turbo de propulsão. Era a única aeronave capaz de decolar e pousar verticalmente, o que eliminou a necessidade de uma pista de decolagem e exigiu muito pouco espaço para a decolagem. Vários protótipos foram desenvolvidos e testados, no entanto, o projeto era muito instável e perigoso.

Bartini Beriev VVA-14:  avião anfíbio soviético foi criado na década de 70. Projetado para ser capaz de decolar a partir da água, voar em altas velocidades em altitudes elevadas  e em longas distâncias.  Sua missão era destruir submarinos, sendo totalmente equipado com armas e um sistema de guerra anti-submarina.

Lockheed XFV:  a aeronave de origem norte-americana, foi um protótipo experimental que estava ativa apenas durante o ano de 1954. Projetada para proteger comboios, o Lockheed XFV levantou voo e pousou na posição vertical, mas o projeto foi cancelado após testes mostraram que a sua velocidade pode ser facilmente superadas por outros modelos, especialmente os inimigos.

VZ-9 Avrocar: de fabricação canadense, a aeronave foi projetada nos primeiros anos da Guerra Fria e foi parte de um projeto secreto do exército americano. A intenção era de que o Avrocar se tornasse um combatente tático da Força Aérea, no entanto, devido a inúmeros problemas relacionados com a estabilidade e propulsão, o projeto foi abandonada em 1961.

LLRV:  foi projetado para reproduzir o comportamento de um veículo lunar na Terra. O protótipo foi um sucesso e levou a LLTV (Lunar Landing Training Vehicle) ser usado pelos astronautas do Programa Apollo para realizar exercícios de treinamento para missões na Lua.

Goblin XF-85 McDonnell: avião de caça que foi desenvolvido pelos americanos durante a Segunda Guerra Mundial. O pequeno avião era capaz de transportar apenas o piloto e foi concebido para ser implantado a partir de um bombardeiro como o B-26 como um combatente parasita. No entanto, devido ao mau desempenho durante o teste – resultado das restrições impostas aos desenvolvedores – o projeto foi cancelado.

 

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.