Os astrofísicos da NASA observaram pela primeira vez na história uma tripla colisão de galáxias com buracos negros gigantes dentro.

Frete GRÁTIS ilimitado, Filmes, Séries, Músicas e muito mais com Amazon Prime! Teste GRÁTIS por 30 dias aqui.

O estudo correspondente foi publicado na revista científica The Astrophysical Journal. Os pesquisadores do Observatório de Raios-X Chandra conseguiram capturar um sistema de três buracos negros batizados como SDSS J084905.51 + 111447.2 e localizados a vários bilhões de anos-luz do nosso planeta.

Durante o experimento, os astrofísicos americanos combinaram dados de vários telescópios, como o Observatório de Raios-X Chandra e o Grande Telescópio Binocular, localizado no estado do Arizona, entre outros.

“Cada telescópio nos dá uma pista diferente sobre o que está acontecendo nesses sistemas”, disse um dos autores do estudo, Ryan Pfeifle, da George Mason University, em Fairfax.

O pesquisador enfatizou que ele e sua equipe esperam “estender seu trabalho” para encontrar mais fusões triplas usando a mesma técnica.

Pfeifle admitiu que os astrofísicos encontraram esse “sistema incrível” enquanto procuravam pares de buracos negros. O astrofísico explicou que um par de buracos negros se funde em um maior e mais rápido.

A descoberta pode ser uma solução para o chamado problema final do parsec: o fato é que, para se fundirem mais rapidamente, dois buracos negros precisam de um fator que os ajude a superar sua energia maciça. Segundo os autores do estudo, a presença de um terceiro buraco negro pode se tornar esse fator.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.

Deixe um comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here