Através do uso de gotas oftálmicas e lentes de contato temporárias, os cientistas mexicanos evitam a cirurgia para melhorar a condição daqueles que sofrem de presbiopia ou visão cansada.

Um estudo realizado na Universidade Autônoma de Aguascalientes confirma uma melhoria significativa, mensurável e constante para os pacientes com presbiopia.

Presbiopia ou fadiga ocular é a perda de funcionalidade da cristalina, que age como se fosse o zoom das câmeras e permite focar a visão tanto para ver de perto quanto de longe.

“Depois de 40 anos, essa lente perde flexibilidade e, portanto, custa mais trabalho para os olhos fazer ajustes para poder focar, especialmente quando se trata de ver de perto. Estima-se que mais de um bilhão de pessoas no mundo têm esse problema “, explica o optometrista José Luis Monroy, presidente da Associação Latino-Americana de Lentes de Contato e Córnea (ALLCCO).

Até agora, entre as alternativas de correção da presbiopia estão a graduação personalizada dos óculos e/ou lentes de contato, que tornam o paciente dependente, ou a cirurgia, o que representa algum risco.

O tratamento criado pelos mexicanos consiste em uma solução oftálmica única e lentes de contato personalizadas que moldam a curvatura da córnea para melhorar a visão.

Deve-se notar que este tratamento é destinado a pacientes que não precisam de lentes para ver de longe, mas eles precisam deles para leitura. Assim, para saber se o paciente é um candidato, especialistas realizam exames específicos, como topografia, córnea para determinar as lentes apropriadas que a pessoa necessita temporariamente como parte do tratamento.

“Durante sete dias, os pacientes usam lentes personalizadas durante oito horas por dia, juntamente com a aplicação de colírios a cada hora. No oitavo dia o paciente é revisado para avaliar o resultado do tratamento, que tem mostrado uma alta eficácia em mais de 500 procedimentos realizados desde a sua invenção “, destaca o oftalmologista Raúl Suárez.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.

Quer ficar por dentro do assunto Smart City, o mais falado no Brasil e no mundo? Deixe seu e-mail e receba em primeira mão! clicando aqui.