Você já refletiu se está realmente na profissão correta? Já teve medo de estar trabalhando arduamente e de no futuro não conseguir alcançar o sucesso que desejava? Será que é realmente possível trabalhar com aquilo que eu amo?

Frete GRÁTIS ilimitado, Filmes, Séries, Músicas e muito mais com Amazon Prime! Teste GRÁTIS por 30 dias aqui.

É comum haver diversas indagações e medos sobre temas relacionados a escolha da faculdade e da carreira profissional. Segue 3 dicas de como você pode melhorar a assertividade de suas escolhas e ser bem sucedido em sua carreira!

1) Será que eu realmente tenho que trabalhar com aquilo que eu mais amo?

Antes de qualquer coisa, você precisa encontrar algo que você tenha grande interesse e, que ao mesmo tempo, não seja o seu maior hobby. Vivemos em uma onda de empreendedores de palco que pregam energeticamente que devemos fazer e viver daquilo que mais amamos. Esta é uma meia verdade que causará a falência profissional de diversos jovens de nosso século. Imagine que a sua maior paixão seja o futebol. Você gosta de assistir os jogos pela televisão e duas vezes por semana se reune com os amigos para se divertir. Agora imagine-se jogando futebol por mais de 8h todos os dias, de segunda a sexta. Será que você teria a mesma diversão? Não parece mais tão prazeroso, não é mesmo? Hobby é o seu momento de descanso, aquilo que você faz para tirar o seu pensamento sobre trabalho. Trabalho é algo que você gosta, mas consegue fazer por mais de 8h por dia, durante anos. Não confunda Hobby com trabalho. Eu conto mais detalhes no vídeo abaixo.

2) Descubra suas maiores habilidades e competências.

Cada um de nós possui dons e habilidades únicas. Geralmente é preciso descobrir isto pouco a pouco, com as experiências da vida ou até mesmo perguntando para amigos e familiares. Hoje no Brasil, o ensino é focado para formar pessoas mediocres, ou seja, se você é muito bom em matemática, por exemplo, o nosso sistema de educação quer que você mantenha o seu nível, de forma que você seja bom em todas as matérias, ao invés de focar naquilo que você já é bom até que se torne um especialista. Geralmente pessoas que conhecem um pouco de tudo perdem oportunidades relevantes, por não serem excelentes naquilo que é realmente necessário. Então, descubra suas habilidades e cultive-as, invista nelas independente de qualquer coisa.

3) Encontre algo que tenha a ver com sua personalidade

Como você gosta de trabalhar? Prefere ambientes fechados ou em um ambiente aberto? Você é criativo ou analítico? Se conhecer é importante para identificar as empresas que tenham a ver com o seu perfil, afim de unir o que você é com o seu estilo de trabalhar. Afinal, alguns preferem trabalhar ouvindo musica, em lugares com muita movimentação e outros em lugares silenciosos, sentando na mesma mesa todos os dias. No vídeo abaixo eu falo mais sobre isso ?

E aí? Matou as suas dúvidas? Não se esqueça de encontrar aquilo que te interessa, mas que seja diferente do seu hobby. Descubra suas habilidades, para poder aprimorá-las e, por fim, desbravar qual é o ambiente adequado de trabalho para você.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.

Deixe um comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here