A Receita Federal anunciou um leilão de eletrônicos apreendidos, que inclui desde smartphones da Apple até drones da DJI. Como sempre, os produtos tem preços bem abaixo dos que são cobrados normalmente no mercado.

Frete GRÁTIS ilimitado, Filmes, Séries, Músicas e muito mais com Amazon Prime! Teste GRÁTIS por 30 dias aqui.

O processo de cotação teve início no último dia 22 e a fase de lances, também conhecida como pregão, está programada para o dia 30/05, a partir das 11 horas. O leilão está aberto a compradores de qualquer parte do Brasil, desde que eles possam retirar os produtos nos locais indicados, em São Paulo.

Por exemplo o Lote 40 traz o iPhone 5S com lance mínimo de R$ 500 – nas lojas de varejo, é possível encontrar esse modelo por R$ 1.900, apesar dele ter sido lançado em 2013. O mesmo acontece com os iPhone 7 e iPhone 7 Plus, que podem ser arrematados a partir de R$ 1.300 no leilão. Para se ter uma ideia, nas lojas oficiais, eles saem por R$ 2.500 e R$ 3.000, respectivamente. Esses aparelhos estão nos lotes 35, 36, 38 e 39, 41, 42, 43, 44, 45, 46, 47 e 48. Tem também iPhones 7 de 128 GB por R$1.500 nos lotes 49 e 50.

Há ainda alguns lotes que só podem receber lances de pessoas jurídicas. Eles incluem computadores, câmeras, drones da DJI e switches para rede. Por serem lotes corporativos, eles acabam trazendo vários produtos em conjunto e por preços bastante altos. Há o exemplo do lote 27, que vem com Chromecasts, computadores, roteadores e acessórios por um lance mínimo de R$ 100.000.

Segundo o site TechTudo, os produtos que são comprados em leilões não são cobertos por garantia. Além disso, também não há a possibilidade de envio dos aparelhos por Correios ou transportadora. A responsabilidade é do comprador de ir retirá-lo pessoalmente no local indicado no edital.

O documento oficial ainda traz a localização de onde está armazenado cada lote, que convém conferir para quem tem interesse em comprá-los. É possível até mesmo visitar esses lugares para verificar a situação dos aparelhos – mas fique de olho no horário de atendimento.

Para participar do leilão, é necessário fazer um cadastro no site da Receita Federal e obter um certificado digital para dar os seus lances. Completando a longa lista de regras, pessoas físicas não podem revender os produtos adquiridos em arremates da receita.

Acesse a página do leilão [neste link]

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.

Deixe um comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here