Uma fabricante de automóveis elétricos da China, até o momento desconhecida pelo mundo anunciou a chegada de um automóvel elétrico que, ao menos no papel, promete sacudir a indústria de carros elétricos. Trata-se do modelo Xpeng P7, um carro que antes mesmo de sair do papel já chamou atenção por bater marcas de outras montadoras, digamos, já consagradas.

Para começar, ele é o primeiro automóvel elétrico da China com direção autônoma de nível 3, o que significa um sistema de pilotagem automática mais seguro e inteligente. Além do mais, ele promete uma autonomia maior do que um modelo já existente na indústria e que também é fabricado no país: o P7 chega a rodar 706 km sem precisar de recarga, enquanto o Tesla Model 3 chega a 668 km.

Até mesmo o carregamento dele é bastante veloz: o modelo vai de 30% a 80% em até 28 minutos, aguentando viagens de 120km após 10 minutos de carga. Em termos de aceleração, ele vai de zero a 100 km/h em 4,3 segundos. O sistema de freios é da Bosch/Brembo e promete alta recuperação em termos energéticos.

Já no interior, o sistema é garantido pela tecnologia DRIVE AGX Xavier, da NVIDIA, que roda dois sistemas de navegação ao mesmo tempo para ter garantia total de precisão: o XPILOT3.0 e o XPILOT2.0. O modelo ainda traz várias câmeras e sensores que cobrem todo o campo de visão do automóvel.

O chassi é feito em parceria com uma empresa alemã de carros de luxo, contando com suspensão e design com otimizações — há um teto panorâmico de vidro e a separação das portas em relação ao corpo do veículo é quase imperceptível.

Já o painel traz o Xpeng Xmart OS 2.0 como sistema de navegação já em comandos de voz e infotenimento para motorista e passageiros, rodando a partir de um processador Snapdragon 820. Ele já integra lojas mobile populares na região, como App Store e Alipay.

O Xpeng P7 será vendido por agora apenas na China. Ao todo, o modelo tem três versões e oito configurações diferentes, com os preços variando entre 229.900 yuan e 349.900 yuan — cerca de R$ 178 mil e R$ 272 mil, em conversão direta de moeda e sem contar qualquer imposto.

As reservas já podem ser feitas, com entregas iniciando no final de junho ainda deste ano. A marca, que tem apenas seis anos de vida e traz financiamentos de gigantes como Alibaba e Foxconn, já está aprovada para realizar testes em estradas nos Estados Unidos e pretende expandir globalmente no futuro.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.