A montadora Porsche apresentou um novo automóvel elétrico na China. Trata-se do Porsche Taycan, um carro mais acessível e básico, como o próprio nome já indica. Ele tem como objetivo fortalecer a marca na região e concorrer contra empresas que oferecem preços mais competitivos, como por exemplo, os carros da Telas.

Entre as características que tornam ele um modelo mais barato estão o motor único e a tração somente na traseira.  Entretanto, ele traz a mesma transmissão de duas velocidades dos outros modelos da família Taycan e a bateria tem como opção 79,2 kWh – padrão –  ou 93,4 kWh – Performance Battery Plus.

Com a bateria básica, vamos chama-la assim, o veículo tem autonomia de 412 km, chegando a 489 km com o componente aprimorado. Ele vai de zero a 100 km/h em 5,4 s e tem velocidade máxima de 230 km/h.

O novo Porsche Taycan será vendido inicialmente apenas na China por 888 mil yuan — equivalente a um pouco mais de R$ 650 mil.

Ele é mais barato do que o modelo anteriormente mais básico da montadora, o Taycan 4S.

A ideia é brigar especialmente contra a Tesla, que tem crescido no mercado asiático de automóveis elétricos mesmo em tempos de pandemia do novo coronavírus.

Um lançamento em outros mercados, inclusive nos Estados Unidos, não está descartado, diz a montadora.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! 🙂

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.