Dois jovens criaram um método que transforma lixo plástico em casas de baixo custo

3
Foto: EcoDomum

Dois mexicanos desenvolveram um método que está solucionando dois grandes problemas das metrópoles: a falta de moradia e a destinação incorreta do lixo plástico.

Frete GRÁTIS ilimitado, Filmes, Séries, Músicas e muito mais com Amazon Prime! Teste GRÁTIS por 30 dias aqui.

Os materiais usados nas construções são: garrafas vazias e brinquedos descartados. Estes materiais são encontrados em abundância pelas ruas dos grandes centros urbanos e com toda essa  matéria-prima, o método tem ajudado muitas pessoas no México, e provando que o método é eficiente.

O material é derretido para formar grandes painéis, que são usadas como paredes e tetos. Para cada residência de 40 metros quadrados são usados 80 painéis. A casa é dividida em dois quartos, um banheiro, uma sala de estar e uma cozinha. Em cada uma delas são usados cerca de dois mil quilos de lixo processado.

residencias-feitas-de-lixo1

O projeto desenvolvido pela startup EcoDomum de Carlos Daniel Gonzalez e Nataniel, pode alterar o modo pelo qual as pessoas fazem suas residências. Segundo eles, o material fabricado é durável e resistente. O resultado é uma casa com isolamento acústico e térmico, de baixo custo e que ajuda o meio ambiente.

Veja o vídeo abaixo dos criadores do projeto:

https://vimeo.com/126825589

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.

3 Comentários

  1. Infelizmente aqui no Brasil não há incentivo para alternativas ao uso de materiais convencionais como telhas de barro, fibrocimento, paredes de alvenaria de blocos cerâmicos ou de concreto. Quando se fala em conservação energética, nem pensar – fica mais caro que a obra.

  2. E sou a favor que alguma empresa invista na captura dos plasticos nos oceanos para esta finalidade e resolveria 2 grandes problemas de uma unica vez.

Deixe um comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here