Prefeitura de São Paulo irá remunerar os que trocarem ônibus ou carro por bicicleta

(Foto via cidade de são paulo)

A atual gestão de SP planeja recompensar financeiramente o paulistano que ao invés de usar o carro ou o ônibus, use a bicicleta, para isso será criado o bilhete mobilidade, que substituirá o atual bilhete único. A ideia é estimular o uso da bicicleta como meio de locomoção até o trabalho e integrar os diferentes tipos de modais.

Segundo a Prefeitura, quem fizer parte do percurso diário de bike passará a acumular créditos. Estes serão calculados de acordo com a distância, o local e o horário percorridos, e poderão ser resgatados em dinheiro ou consumidos em uma rede credenciada de serviços, informa Adriana Ferraz, do jornal O Estado de S.Paulo.

A Prefeitura promete dar “descontos” na passagem de ônibus, na viagem de táxi ou serviços como o Uber. Todos passariam a aceitar os créditos dos ciclistas, assim como estabelecimentos credenciados, como em um programa de milhagem. Também está previsto o resgate em dinheiro de créditos, a exemplo da Nota Fiscal Paulista. Se essa for a opção, o reembolso deverá ser liberado a cada quatro meses ou duas vezes ao ano, em conta bancária.

A verba para este projeto sairia do montante repassado às empresas de ônibus, são cerca de R$ 2 bilhões. De acordo com a empresa que presta o serviço e a quantidade de viagens dentro de três horas (período do bilhete único), esse valor pode alcançar até R$ 5. Este projeto está sendo desenvolvido em parceria com o vereador José Police Neto(PSD).

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.