carteira de trabalho digital

O Governo Federal lançou a Carteira de Trabalho Digital, que substitui o documento em papel por um aplicativo de celular. A versão eletrônica reúne contratos de trabalho antigos e também os novos, bem como suas respectivas anotações, permitindo “facilidades para trabalhadores e empregadores, com redução da burocracia e custos”.

Frete GRÁTIS ilimitado, Filmes, Séries, Músicas e muito mais com Amazon Prime! Teste GRÁTIS por 30 dias aqui.

A medida deve gerar uma economia de R$ 888 milhões, de acordo com estimativas da Secretaria de Governo Digital do Ministério da Economia. Para o cidadão, a estimativa de economia para os usuários é de aproximadamente R$ 739 milhões, enquanto para o governo é de R$ 149 milhões.

Outra facilidade é que em vez de esperar por em média 17 dias, desde a solicitação até a obtenção da carteira, o cidadão passa a ter acesso ao documento em apenas um dia.

A cada ano, cerca de cinco milhões de carteiras de trabalho são solicitadas no Brasil.

O aplicativo da Carteira de Trabalho Digital já estava disponível para Android e iPhone desde 2017, mas não tinha a mesma validade do documento físico, servindo apenas como um meio de consulta. A partir de agora, a Carteira de Trabalho e Previdência Social, CTPS, em meio físico não é mais necessária para a contratação na grande maioria dos casos. Para o trabalhador, basta informar o número do CPF no momento da contratação.

3 Comentários

  1. Informações atualíssima e de grande valia.
    Parabéns realmente muito importante.
    Acredito que quanto mas conseguirmos veicular estás informações seria um grande passo para nós profissionais em entrevistas de empregos não deixando espaço para dúvidas e assuntos infundados.
    Desde de já agradeço a informação.
    José Geraldo
    Analista de processos

Deixe um comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here