O lucro obtido pela Tesla após investir em Bitcoins em janeiro deste ano vem impressionando até mesmo os experts na área. A estimativa é que a montadora de carros elétricos norte-americana tenha embolsado mais de US$ 600 milhões, algo como R$ 3,2 bilhões, com a valorização recorde registrada pela criptomoeda nos últimos dias.

O lucro resultou do aporte feito pela empresa. No início deste mês, a Tesla divulgou uma atualização em sua política de investimentos, feita para “garantir mais flexibilidade para diversificar e maximizar retornos no caixa”. Em comunicado, a Tesla investiu US$ 1,5 bilhão, que por sua vez foi aprovado pela Mesa Diretora da companhia.

Apesar de a Tesla não revelar a quantidade exata de bitcoins adquirida ou o valor de compra quando a transação foi efetuada, é possível chegar ao lucro obtido pela companhia graças ao montante investido e a média de preço da criptomoeda em janeiro, de US$ 35 mil. Entretanto, ao investir US$ 1,5 bilhão, a Tesla obteve cerca de 43 mil bitcoins na ocasião.

Por tanto, a criptomoeda teve uma valorização de 45%. No momento da publicação deste artigo, 15h do dia 18 de fevereiro de 2021, um bitcoin vale mais de US$ 52 mil, ou R$ 280 mil. Com esse crescimento, os 43 mil bitcoins da empresa passaram a valer US$ 2,2 bilhões.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! 🙂

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.