Todas as contratações feitas pela Tesla devem receber a aprovação do CEO Elon Musk , de acordo com um e-mail enviado aos funcionários de recrutamento da Tesla em fevereiro.

“Todas as solicitações de pessoal da empresa precisam da aprovação da Elon”, disse o e-mail.

O email também sugere que a Tesla introduziu padrões mais altos de contratação. “Nós estaremos instituindo um processo mais rigoroso em torno de requisições e ofertas para ajudar a gerenciar o número de funcionários em toda a empresa”, disse o e-mail, acrescentando que Musk começaria a receber um relatório diário sobre recrutamento.

Tesla se recusou comentar

A Tesla passou por várias rodadas de demissões no ano passado. A montadora seguiu uma redução de 9% na força de trabalho em junho, com  um corte de 7%  em janeiro, e o que a  CNBC  reportou foi  uma demissão de 8%  em março. (Um representante da Tesla disse ao Business Insider que a cifra relatada pela CNBC estava incorreta, mas não especificou o tamanho da redução). A  Electrek  informou na terça-feira que a Tesla tinha demitido metade de sua divisão de recrutamento.

Musk sugeriu em  um email aos empregados  que a montadora nunca mais teria que iniciar outra rodada de demissões.

“Também quero enfatizar que estamos tomando essa decisão difícil agora, para que nunca mais tenhamos que fazer isso”, disse Musk na época.

As demissões acompanharam os esforços da Tesla para se tornarem consistentemente lucrativas enquanto baixavam os preços de seus veículos. 

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.

Para você que está procurando Bolsa de Estudo, temos bolsas de até 75% em mais de 1.200 faculdades de todo o Brasil. Encontre a sua Bolsa de Estudo clicando aqui.