A Amazon aumentou sua participação no mercado brasileiro, expandindo os negócios para venda direta aos consumidores. A novidade no maior varejista do mundo começa a partir de hoje, dia 22 de janeiro, inclui 12 categorias que são vendidas e entregues pela Amazon, junto de entrega rápida que pode acontecer em até dois dias. Utensílios de cozinha, eletrônicos, informática, bebê, beleza, cuidados pessoais e brinquedos estão entre as categorias.

A Amazon começou suas operações no Brasil em 2012 com o lançamento do Kindle de quarta geração e o início de operações com livros digitais para a plataforma, para dois anos depois começar a vender livros físicos. Já em 2017 a empresa abriu o site brasileiro para o market place, que são lojistas que vendem dentro da Amazon, semelhante o que estão fazendo a B2W e a Via Varejo com seus sites – como o Submarino, Americanas, Shoptime, Ponto Frio e Casas Bahia.

A nova forma de comercializar diretamente com o consumidor só foi possível com o início das operações de um centro de distribuição em Cajamar, localizado no estado de São Paulo. Ele funcionará em conjunto com outro já existente e que fica em Barueri – ambos estão na mesma região metropolitana da capital paulista.

Uma novidade que chega junto da venda direta está nas opções de como os produtos serão  entregues. Para alguns destinos, é possível efetuar a entrega em dois dias, ou escolher uma entrega padrão que leva mais tempo e que tem custo menor. Sempre que um produto for enviado pela Amazon, o frete poderá ser grátis nas compras acima de R$ 99 para livros e videogames, ou acima de R$ 149 para todas as outras categorias da plataforma.

Por enquanto apenas a Amazon chegou ao Brasil, sem incluir o plano Prime que oferece frete grátis em alguns produtos, menor tempo de entrega e acesso aos serviços de streaming de vídeo, Amazon Prime Video, de música, Amazon Music e o alguns livros do Kindle – com promoção para o serviço Kindle Unlimited.

Também ainda não existe previsão para que a Alexa, assistente pessoal da Amazon, chegar ao Brasil. Os pagamentos em todos os produtos, comercializados pela Amazon ou não, podem ser feitos via boleto ou cartão de crédito e é possível parcelar suas compras.

Funcionários brasileiros em um dos centros de distribuição (Foto: divulgação)

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.