A recente queda dos serviços do Facebook, WhatsApp e Instagram constituiu para muitos um problema existencial, o que ressuscitou a controvérsia sobre os possíveis substitutos para essas aplicações.

Alternativas ao Facebook

A rede social VK, criada em 2006 pelo programador russo Pável Dúrov, está disponível em mais de 90 idiomas. Embora no início tivesse uma interface semelhante à do Facebook, ao longo do tempo essa popular rede social incorporou outras opções, como a busca por músicas e vídeos ou a transferência de dinheiro.

Diaspora é uma rede social incomum que consiste em um grupo de servidores independentes conhecidos como vagens, que interagem. O usuário pode criar uma conta em qualquer servidor e interagir com outros usuários.

Ao contrário do Facebook ou do Twitter, a comunidade permite a descentralização no uso da informação, algo que torna os dados pessoais dos usuários mais seguros.

O MeWe é uma alternativa ao Facebook que garante que não colete ou compartilhe os dados de seus usuários com terceiros ou use cookies. “Eu não vendo”, é o lema desta rede social.

Alternativas ao Instagram

O portal de imagens do Flickr, lançado em 2004, permite que você publique fotografias e vídeos, além de pesquisar imagens por rótulos e por data. A rede social tem uma versão gratuita e pode ser usada tanto no computador quanto em dispositivos móveis.

Semelhante ao Instagram, os usuários do Flickr podem pesquisar e adicionar amigos e deixar comentários sob as fotos. A rede social também oferece milhares de comunidades temáticas.

O popular serviço de hospedagem de imagens 500px tem mais de 13 milhões de usuários.

500px é uma rede social de fotógrafos profissionais, com dezenas de milhares de imagens de alta qualidade. Ao contrário do Flickr, este portal permite que você crie um portfólio, crie histórias visuais ou até mesmo venda suas fotos em uma loja online.

O VSCO é uma alternativa ao Instagram que permite aos usuários tirar e editar fotos. No entanto, ao contrário do Instagram, o serviço não possui o botão “curtir”. Em vez disso, os usuários salvam as imagens que eles gostaram em sua “coleção”.

Sustitutos de WhatsApp

O Telegram  é uma aplicação móvel de mensagens instantâneas, criada pelos irmãos Pável e Nikolai Durov, criador da VK. Permite que você use uma conta em vários dispositivos ao mesmo tempo ou envie arquivos de até 1,5 GB.

O aplicativo de mensagens Signal é ‘open source’ , patrocinado pelo próprio Edward Snowden, ainda não tão popular quanto o Telegram, embora tenha mais de cinco milhões de usuários.

Deve ser lembrado que o Signal foi o aplicativo usado pelo Comitê de Defesa da República (CDR) para manter conversas seguras na véspera do referendo de independência de 2017 na Catalunha.

O serviço de mensagens WeChat tem versões em vários idiomas. Além das mensagens, permite compartilhar fotos, vídeos ou sua localização geográfica. Também oferece serviços de pagamento, transporte e até possui sua própria loja de mini-aplicativos. O WeChat tem mais de 1 bilhão de usuários ativos em todo o mundo e é a rede social mais popular na China.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.

Quer ficar por dentro do assunto Smart City, o mais falado no Brasil e no mundo? Deixe seu e-mail e receba em primeira mão! clicando aqui.