Nós geralmente usamos o banheiro para algumas funções básicas ou um pouco mais; no entanto, alguns pesquisadores do Instituto de Tecnologia de Rochester tiveram a grande idéia de incluir uma série de sensores no banheiro para que, quando sentassem neles, pudessem coletar dados sobre a saúde da pessoa.

No Japão, por exemplo, onde a cultura do banheiro Premium é altamente desenvolvida, o Google, junto com a Toto e a Matsushita, já estão usando uma série de sanitários inteligentes, mas até agora não havia nenhum com sensores para medir parâmetros como a pressão arterial ou o nível de oxigênio no sangue em cada momento.

O principal objetivo desses pesquisadores não era exatamente que todos nós tivemos um desses banheiros em nossa casa, mas para monitorar pessoas que já havia sofrido um ataque cardíaco e prevenir novos problemas cardíacos.

Esse “assento mágico”, vamos chamá-lo assim, tem três sensores: um para realizar um eletrocardiograma e medir a atividade elétrica do coração; um fotopletismograma para medir os níveis de oxigênio no sangue e um balistocardiograma, que mede a força com que o coração conduz o sangue através do corpo, mais especificamente pela aorta.

Os dados coletados são automaticamente enviados para a “nuvem”, onde os médicos podem acessar os dados e avaliar como o paciente está em todos os momentos, informando se precisam retornar para a consulta ou se algo não está funcionando como deveria.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.