O Instagram, de propriedade do Facebook, está intensificando suas políticas quando os usuários violam suas regras, anunciando que agora alertará as pessoas quando suas contas correm o risco de serem excluídas.

Frete GRÁTIS ilimitado, Filmes, Séries, Músicas e muito mais com Amazon Prime! Teste GRÁTIS por 30 dias aqui.

Em uma publicação, a rede social de compartilhamento de imagens disse que trabalhou com o Facebook para criar políticas que garantam que o Instagram seja um “lugar de apoio para todos”, incluindo uma nova notificação para alertar as pessoas de que sua conta está em risco de ser excluída.

Usuários do Instagram podem recorrer 

A notificação, disse o Instagram, também oferece aos usuários a oportunidade de recorrer do conteúdo que está sendo excluído. A operadora de rede de mídia social disse que está começando com apelos por conteúdo excluído por violações, incluindo nudez e pornografia, intimidação e assédio, discurso de ódio, venda de drogas e políticas antiterrorismo.

O Instagram planeja expandir os recursos nos próximos meses. Se o conteúdo for removido por engano, o Instagram disse que restaurará a postagem e removerá a violação da conta do usuário.

O Instagram também expandiu as contas que podem ser excluídas, dizendo na postagem do blog que sob a política existente ele excluirá contas que têm uma porcentagem predeterminada de violação de conteúdo, mas agora também removerá contas que tenham uma certa porcentagem de violações dentro de um prazo. “Da mesma forma que as políticas são aplicadas no Facebook, essa mudança nos permitirá reforçar nossas políticas de forma mais consistente e responsabilizar as pessoas pelo que postam no Instagram”, disse a empresa de mídia social no post.

Instagram esconde like para aliviar pressão social

Esta não é a primeira vez nas últimas semanas que o Instagram tentou limpar o mau comportamento em sua plataforma. Em um esforço para diminuir a pressão da mídia social sobre seus usuários, está escondendo o número de curtidas em postagens provenientes de seis países, incluindo Austrália, Canadá, Itália, Brasil, Irlanda e Nova Zelândia.

“Queremos que seus amigos se concentrem nas fotos e nos vídeos que você compartilha, e não no número de curtidas. Ainda é possível ver suas curtidas tocando na lista de pessoas que gostaram, mas seus amigos não poderão participar. Escreveu o Instagram em uma postagem no Twitter. “Estamos ansiosos para saber mais sobre como essa mudança pode beneficiar a experiência de todos no Instagram.”

O movimento por parte do Instagram, de propriedade do Facebook, ocorre no momento em que a gigante das mídias sociais enfrenta uma intensa reação a notícias falsas, compartilhamento inapropriado de conteúdo e intimidação que está ocorrendo em suas plataformas de mídia social. De acordo com relatos da mídia, o Facebook está prestes a receber uma multa de US$ 5 bilhões pela Federal Trade Commission em relação ao escândalo da Cambridge Analytica, no qual a agora extinta consultoria política acessou os dados de 87 milhões de usuários sem o seu consentimento.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.

Deixe um comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here