Como se precisássemos que fosse mais fácil para a Skynet ser criada. Uma equipe de pesquisadores do MIT criou uma linguagem de programação de IA que, segundo eles, torna mais fácil para novatos começar a programar inteligência artificial.

Frete GRÁTIS ilimitado, Filmes, Séries, Músicas e muito mais com Amazon Prime! Teste GRÁTIS por 30 dias aqui.

Não só isso, ajudará especialistas a avançar ainda mais no campo.

A nova linguagem de programação é chamada de ‘Gen’ e é detalhada em um artigo do MIT, intitulado Gen: um sistema de programação probabilística de propósito geral com inferência programável.

IA fácil

Em seu artigo, que foi publicado na conferência Programming Language Design and Implementation, na semana passada, os pesquisadores descrevem Gen, seu novo sistema de programação probabilística.

Os usuários podem usar o Gen para escrever modelos e algoritmos de vários campos – como visão computacional, robótica e estatística – onde as técnicas de IA são normalmente aplicadas. Eles podem fazer isso sem ter que lidar em decifrar equações complexas ou escrever manualmente códigos de alto desempenho.

Os especialistas também podem usar a nova linguagem de programação para escrever modelos sofisticados e algoritmos de inferência que anteriormente teriam sido muito complexos.

No estudo, os pesquisadores mostram que um programa Gen curto pode inferir poses corporais em 3-D, uma complexa tarefa de inferência de visão computacional que pode ser aplicada em sistemas autônomos e realidade aumentada. Enquanto isso está acontecendo, o programa pode continuar a cumprir outras funções nos bastidores, explica MIT.

A renderização de gráficos, o aprendizado profundo e os tipos de simulações de probabilidade são processados ​​enquanto o usuário está utilizando a linguagem de programação mais simples. Isso reduz enormemente o tempo e a habilidade necessária para programar IA.

IA para todos?

Devido à sua relativa simplicidade, os pesquisadores do MIT dizem que o Gen pode ser facilmente usado por qualquer pessoa, seja novato ou especialista.

“Uma das motivações desse trabalho é tornar a IA automatizada mais acessível a pessoas com menos experiência em ciência da computação ou matemática”, disse o autor Marco Cusumano-Towner, aluno de pós-doutorado do Departamento de Engenharia Elétrica e Ciência da Computação do MIT.

“Também queremos aumentar a produtividade, o que significa facilitar aos especialistas a rápida iteração e prototipagem de seus sistemas de inteligência artificial”. Continua Marco.

Em uma apresentação para o Fórum Econômico Mundial, Eric Schmidt afirmou que a IA deveria beneficiar muitos e não poucos. Se a programação de IA se torna mais acessível a todos, isso só pode ser uma coisa boa – a menos que você acredite que isso levará ao surgimento da Skynet.

Link para baixar Gen.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.