A Samsung já começou a pesquisar do 6G, na Coréia do Sul. A empresa expandiu a sua equipe que já estava trabalhando em padrões de tecnologia de telecomunicações e agora vai assumir todo um nível de pesquisa no seu recém-formado Advanced Communications Research Center na Coréia do Sul.

O desenvolvimento, como relatado pelo The Korea Herald, é relevante, uma vez que mostra quanto tempo é necessário para desenvolver uma tecnologia de telecomunicações, um processo que demora muitos anos a terminar e a ficar pronto para chegar ao consumidor final.

Enquanto o mundo debate a questão do 5G – e poucos países têm acesso a ele – a Samsung já está a frente e quer dominar a próxima geração.

Sobre o 5G, a MediaTek, uma das grandes concorrentes no segmento móvel, só agora anunciou os seus primeiros modelos que apenas chegarão ao mercado em 2020.

Assim, sabemos que só no final deste ano é que, possivelmente, começará a chegar o 5G aos países desenvolvidos.

Todo o processo, no entanto, demora tempo e também tem custos muito elevados para as empresas e operadoras. Dadas as vantagens e superioridade da rede 5G, é provável que a adoção do novo padrão de rede seja ainda mais difícil, uma vez que requer a implantação de torres de smartphone dedicadas e infra-estrutura específicas para o 5G, o que é preciso grandes investimentos por parte das operadoras.

Não se sabe muito sobre o que a conectividade 6G pode trazer de novo, mas dada a distribuição geral de cronogramas e durações de pesquisa, não esperamos ver qualquer vestígio de conectividade de rede 6G durante os próximos anos (década talvez).

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.