A empresa de Santa Catarina vem acompanhando de perto a evolução da energia solar fotovoltaica no Brasil e utilizando toda a sua experiência tecnológica, a WEG se tornou um dos principais fornecedores de produtos e soluções para usinas solares do Brasil.

Frete GRÁTIS ilimitado, Filmes, Séries, Músicas e muito mais com Amazon Prime! Teste GRÁTIS por 30 dias aqui.

Desde 2016, quando a companhia assinou seu primeiro contrato de fornecimento na modalidade EPC (engineering, procurement and construction), já entregou quatro usinas solares no Nordeste: Coremas I, Coremas II, Angico e Malta (PB). Até meados de 2019 a previsão é entregar mais três: Esmeralda (PE), Sobrado (BA) e Coremas III (PB).

Ao todo serão mais de 664 mil módulos fotovoltaicos instalados, com potencias entre 330 e 375 Wp e mais de 193,0 MVA de inversores solares instalados em usinas nos estados de Pernambuco, Paraíba e Bahia. Juntas as usinas serão capazes de gerar 479,8 GWh ao ano, energia suficiente para abastecer mais de 200 mil residências e evitar o lançamento de 780,2 mil toneladas de gases poluentes por ano na atmosfera.

Em todos os contratos a WEG também é responsável pelo fornecimento dos módulos, estruturas metálicas (trackers), inversores, transformadores, cubículos, subestações e toda a engenharia de integração e software aplicativo das usinas. Além do fornecimento EPC a companhia também faz o O&M (operação e manutenção) das usinas e Subestações.

De acordo com o Diretor de Novas Energias da WEG, João Paulo Gualberto da Silva, o desempenho do negócio SOLAR vem ganhando bastante relevância dentro da área de GTD da companhia e a expectativa é positiva para os próximos anos. “Dos últimos leilões o grande destaque foi para energia solar e estamos bastante otimistas com os novos projetos”, explica Silva.

Planta em Coremas, PB

Além dos grandes projetos, a WEG também acumula experiência em geração distribuída para pequenas usinas, indústrias, comércios e residências. A companhia já construiu três pequenas usinas em Minas Gerais, somando capacidade de potência de 10,37 MWp, uma no Rio de Janeiro, com 1,32 MWp, uma em São Paulo, com 1,267 MWp, três em Pernambuco, com 3,5 MWp, uma em Santa Catarina, com 3,0 MWp e outra no Mato Grosso, com 1,1 MWp.

Nos negócios residenciais, comerciais e industriais de pequeno e médio porte a empresa já realizou, através de seus integradores, fornecimento para 4.000 sistemas solares, só em 2018.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.

Deixe um comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here