Foi publicado o edital para vagas de nível superior para o Corpo de Engenheiros (CP-CEM/2019). As oportunidades estão distribuídas entre diversas especialidades, conforme detalhado abaixo:

  • Engenharia Naval (seis vagas);
  • Engenharia Mecatrônica (duas vagas);
  • Engenharia Química (três vagas);
  • Engenharia Mecânica (11 vagas);
  • Engenharia Elétrica (sete vagas);
  • Engenharia Eletrônica (cinco vagas);
  • Engenharia de Sistemas de Computação (três vagas);
  • Engenharia de Telecomunicações (três vagas);
  • Engenharia de Materiais (duas vagas);
  • Engenharia de Produção (três vagas);
  • Engenharia Civil (cinco vagas);
  • Engenharia Cartográfica (duas vagas);
  • Arquitetura e Urbanismo (duas vagas).

Além de graduação de acordo com a área de atuação, claro, os interessados devem ter registro no órgão fiscalizador da profissão e menos de 36 anos em 1º de janeiro do ano de 2020.

Aprovados no certame ingressarão na Marinha como Guarda-Marinheiro, com remuneração de R$ 6.993,00. Aqueles que concluírem a formação com aproveitamento ingressarão no Corpo de Engenheiros da Marinha, no posto de Primeiro-Tenente. Com isso, a remuneração vai a R$ 8.245,00.

Os valores são referentes a tabela de 2019. Uma vez que o curso será finalizado apenas em 2020, os soldos devem sofrer assim seus devidos reajustes.

Além do soldo básico conforme a sua graduação, durante a formação o Guarda-Marinha terá alimentação, uniforme, assistência médico-odontológica, psicológica, social e religiosa.

As inscrições para o concurso já estão abertas! O preenchimento da ficha com os dados cadastrais poderá ser feito até 1º de abril de 2019, por meio do site de ingresso da Marinha ou posto de inscrição. Será cobrada taxa de inscrição de R$ 126,00. O boleto poderá ser quitado até 5 de abril.

Inscritos no CadÚnico do governo federal e membros de família de baixa renda e doadores de medula óssea em instituições reconhecidas pelo Ministério da Saúde poderão solicitar isenção da taxa de inscrição.

Os procedimentos necessários para efetuar a solicitação, bem como as datas de recebimento, estão expressos no edital.

Etapas de avaliação e provas CP CEM 2019

Concorrentes às vagas para o Corpo de Engenheiros da Marinha serão avaliados por meio de várias etapas. Confira abaixo:

  • Provas Escritas Objetiva e Discursiva de Conhecimentos Profissionais;
  • Redação;
  • Tradução de Texto;
  • Eventos Complementares compostos por: Verificação de Dados Biográficos (VDB); Inspeção de Saúde (IS); Teste de Aptidão Física (TAF); Prova de Títulos (PT); Avaliação Psicológica (AP); Verificação de Documentos (VD); Procedimento de Heteroidentificação Complementar à Autodeclaração (PH).

Os exames escritos serão realizados em duas fases. A data de aplicação das mesmas ainda não foi divulgada, portanto, estão previstas para a segunda quinzena de maio.

Na primeira fase, os concorrentes terão cinco horas para resolver 20 questões objetivas, além de elaborar uma redação. Ambas têm caráter eliminatório e classificatório. A segunda fase constará de uma prova discursiva de conhecimentos profissionais e uma tradução de texto. A duração também será de cinco horas.

O início do curso, que será realizado no Centro de Instrução Almirante Wandenkolk (CIAW), no Rio de Janeiro, está previsto para março de 2020. A formação tem objetivo de preparar os candidatos para exercício de cargos e funções em Organizações Militares da Marinha, situadas em qualquer Unidade da Federação.

Para mais informações e inscrição, acesse o site da Marinha aqui.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.