No Brasil, ela já existe, e é um projeto da Planet Smart City, líder global em cidades inteligentes inclusivas, que constrói cidades e bairros que colocam as pessoas ao centro de cada projeto. A proposta única da Planet se tornou realidade no Brasil, onde está construindo a Smart City Laguna, a primeira Cidade Inteligente Inclusiva do mundo.

Projetada para 25 mil pessoas, Laguna está localizada em uma área de 330 hectares em São Gonçalo do Amarante, no Ceará, distante apenas 55 km da capital Fortaleza e a 20 minutos das mais belas praias cearenses. A 1ª etapa da cidade foi entregue em 2018 e toda semana chegam novos moradores. A previsão de conclusão da Smart City Laguna é em dezembro de 2021.

Soluções inteligentes

Equipes multidisciplinares da Planet integram em seus projetos soluções inteligentes e inovadoras em arquitetura e planejamento urbanístico, tecnologia, meio ambiente e práticas de inovação social para oferecer residências de alta qualidade, com preço acessível, criando valor de longo prazo para seus moradores. À medida em que a Planet vê as cidades evoluindo, a empresa entrega mais do que casas, mas empreendimentos ricos em tecnologia, serviços e programas de inovação social, tudo isso apoiado pelo Planet App – o aplicativo gratuito dos seus bairros e cidades inteligentes.

A Smart City Laguna integra mais de 50 soluções inteligentes divididas em quatro pilares: meio ambiente, planejamento e arquitetura, pessoas e tecnologia. A cidade tem iluminação pública inteligente com lâmpadas de LED, pavimentação drenante com piso intertravado, blocos fotovoltaicos no piso iluminando alguns equipamentos urbanos, ciclofaixas e rede elétrica subterrânea em algumas áreas.  As ruas residenciais são sem saída, com balões de retorno (cul-de-sac) ao final para aumentar a segurança, e as vias são planejadas para evitar trânsito caótico, mesmo quando a cidade estiver em pleno funcionamento.

O canteiro de obras é racional e sustentável, evitando ao máximo o desperdício e o ruído que pode incomodar os moradores. Além disso, procura preservar ao máximo as características da terra e otimizar a sua reutilização para a requalificação ambiental. A preocupação com o canteiro também se estende as plantas, que são cultivadas antes ou junto com a obra, melhorando a inclusão do verde no ambiente e reduzindo a pressão no solo.

A tecnologia é levada muito a sério pela Planet Smart City e começa pelo Planet App, aplicativo gratuito do bairro que funciona como o painel de controle da cidade. Através do app, o morador pode ter acesso ao videomonitoramento das áreas comuns, trocar serviços, participar de grupos, reservar áreas comuns e até equipamentos. Além disso, a cidade contará com ilha de recarga para carros elétricos, wi-fi grátis nas áreas públicas, sistema de controle do ar e bancos inteligentes que recarregarão equipamentos.

A Smart City Laguna é o primeiro projeto já implantado no Brasil. Em Natal, uma outra smart city está em construção. Até o final de 2020 outros projetos serão lançados.

Saiba mais em: Planet Smart City 

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.