Segundo Eric McLaughlin, vice-presidente do Intel Client Computing Group e gerente geral do Wireless Solutions Group, disse que a Intel pretende otimizar a tecnologia Bluetooth e utilizá-la para criar computadores desktop totalmente sem fios.

Com a compra da Rivet Networks, que possui a linha Killer Networking. A Killer, por sua vez, desenvolveu o software Killer Intelligence Engine, que é capaz de identificar todos os sinais Wi-Fi em torno de um PC e fornecer o que entrega a melhor taxa de transferência.

No caso um sinal Wi-Fi satisfatório não seja captado, o software recomenda uma atualização em sua infraestrutura.

Parece que a Intel quer trabalhar essa abordagem à tecnologia Bluetooth, para criar uma rede robusta e com confiabilidade, que possa integrar todos os periféricos que podem ser ligados a um PC. A diferença, é que computadores usam apenas uma rede Wi-Fi. Já o Bluetooth, utiliza um sinal de rádio para cada dispositivo conectado.

McLaughlin disse ainda que o Bluetooth foi otimizado para smartphones e negligenciado na plataforma desktop, e a Intel quer alterar essa realidade, assim como resolver alguns outros problemas que a indústria de PCs ainda não conseguiu dar conta.

A fabricante Intel está buscando maneiras de aprimorar o Bluetooth, a fim de que todos os periféricos e serviços funcionem em harmonia, sem que um interfira no outro, indo de caixas de som ao monitor.

Essa não é a primeira vez que uma empresa faz tentativa como essa, de integração de periféricos usando uma conexão em fio, ser abordada. Entretanto, a companhia terá modelos anteriores para criar algo novo e que possa suprir as necessidades do uso que fazemos de nossos computadores nos dias atuais.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.