Locais com temperaturas baixas já pode produzir seus alimentos, é o que esta acontecendo na Antártida. A estufa experimental Eden-ISS no Instituto Alfred Wegener fez recentemente as suas primeiras colheitas: pepinos, rabanetes e alfaces. O Centro Aeroespacial Alemão (DLR) descreveu essa conquista como a “A primeira salada na Antártica.”

A fazenda interna Eden-ISS serve a dois propósitos: primeiro, para fornecer produtos frescos para a tripulação da Neumayer-Station III. Em segundo lugar, para atuar como um teste para o cultivo de alimentos em climas críticos, não só na Terra, mas para missões à Lua e Marte no futuro. Os cientistas plantaram as sementes em fevereiro e a primeira colheita foi um sucesso.

Não há terra necessária nesta fazenda interna, onde os cientistas fazem as plantas crescerem com um ciclo fechado otimizado de água e luz. O Engenheiro do DLR, Paul Zabel, uma das poucas pessoas na Terra que agora pode adicionar ‘jardineiro Antártida’ em seu currículo, disse que teve de superar alguns problemas inesperados, como falhas no sistema e a “tempestade mais forte por mais de um ano”, mas ele foi capaz de resolver os problemas e realizar a primeiras colheita.

Cientistas na estação tinham recebido seus vegetais no final de fevereiro, então, ficaram contentes com os produtos frescos da Eden-ISS. O gerente da estação Bernhard Gropp, disse em declaração da DLR, “Foi especial para ter a primeira salada fresca da Antártida … que provei, foi como se eu mesmo tivesse colhido numa horta.”

Veja a galeria abaixo:

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários

 

Para você que está procurando Bolsa de Estudo, temos bolsas de até 75% em mais de 1.200 faculdades de todo o Brasil. Encontre a sua Bolsa de Estudo clicando aqui.