15 de novembro de 2018
Bill Gates apresenta vaso sanitário que não usa água e nem esgoto

Bill Gates apresenta vaso sanitário que não usa água e nem esgoto

imagem: AP

O fundador da Microsoft é uma das pessoas mais ricas do mundo. Mas Bill Gates tem um vasto trabalho envolvendo filantropia e também sustentabilidade. Sua mais recente iniciativa nesse sentido foi apresentada em Pequim, na China. Refere-se a um vaso sanitário capaz de transformar dejetos humanos em fertilizantes.

O equipamento foi financiado pela Fundação Bill e Melinda Gates e levou anos até ser completamente desenvolvido, com peças fabricada em diversos países. Ele trabalha sem água e sem esgoto, e ainda, separa os dejetos sólidos dos líquidos.

“O vaso sanitário atual simplesmente manda os dejetos embora na água, enquanto esses vasos sanitários não têm o esgoto”, explicou o ex-executivo da Microsoft em entrevista à Reuters. “Eles recebem os dejetos líquidos e sólidos e fazem um trabalho químico neles, o que inclui queimá-los na maioria dos casos.” Completou Gates.

Durante o evento realizado na China, Bill Gates confirmou que unidades do vaso já podem ser comercializadas, mas não deu maiores detalhes sobre quando exatamente começam as suas vendas nem mesmo em que locais do mundo elas serão disponibilizadas e muito menos preço.

Alguns destes vasos sanitários já estão sendo testados na cidade sul-africana de Durban, onde também estão sendo iniciados outros modelos alimentados por energia solar, explicou Gates em um vídeo na sua conta oficial no Twitter.

A rápida expansão destes novos produtos e sistemas de saneamento que não necessitam se conectar a nenhuma rede poderiam reduzir drasticamente o número de mortes e o impacto da falta de higiene na saúde da população nos países mais pobres, acrescentou Gates.

De acordo com os últimos dados da ONU, 60% da população mundial não contam com instalações sanitárias adequadas e quase 900 milhões de pessoas no planeta se veem obrigadas a defecar ao ar livre por não ter acesso a um banheiro.

O mais provável é que a Fundação Bill e Melinda Gates busque parcerias para levar o produto até regiões do planeta com acesso escasso à água e sem saneamento básico.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.