Uma equipe de pesquisa chinesa desenvolveu um avião ultra-rápido que também pode levar dezenas de pessoas e toneladas de carga.

A equipe diz que o avião pode viajar a uma velocidade hipersônica e pode ir de Nova York a Pequim em duas horas, o que geralmente se leva 14 horas em um voo tradicional As duas cidades estão a aproximadamente 11 mil quilômetros de distância.

Isso significa que o avião viajará a mais de 6.000 km/h, cinco vezes mais rápido do que a velocidade do som. A equipe também está envolvida no programa de armas hipersônicas secretas da China.

Fonte: Science China Press

“Levará apenas duas horas para viajar de Pequim a Nova York a uma velocidade hipersônica”, disseram os pesquisadores liderados por Cui Kai .

Um modelo menor do avião foi testado em um túnel de vento por Cui e sua equipe que estão na Academia Chinesa de Ciências em Pequim.

O túnel já foi usado anteriormente para realizar avaliações aerodinâmicas para os protótipos de armas hipersônicas mais recentes da China. O modelo de avião foi submetido para sete vezes a velocidade do som. Isso equivale a mais de 8,600 km/ h. Eles descobriram que o avião funcionou surpreendentemente bem.

O novo veículo hipersônico foi chamado de “I-plane” pela equipe. O nome vem da sombra moldada pelo avião no chão.

Quando o avião está sobrevoando, ele projeta uma sombra na forma de um “I” no solo. O “I-plane” tem duas camadas de asas. O design se assemelha aos biplanos utilizados durante a Primeira Guerra Mundial. A maioria dos biplanos, que foram o primeiro tipo de aeronave, desapareceram após a década de 1930.

Isso ocorre porque os projetistas desejam maiores velocidades e eficiência de combustível. O veículo tem asas mais baixas que se aproximam do meio do corpo principal do avião, como um par de braços. Há também uma terceira asa plana que atinge a parte de trás da aeronave.

Este projeto de biplano permitirá que a aeronave manipule mais carga útil do que os veículos hipersônicos existentes que têm forma contornada e asas delta, de acordo com os pesquisadores.

A camada dupla de asas ajuda a reduzir a turbulência e arrasta-se a velocidades extremamente elevadas. Elas também aumentam a capacidade geral de elevação da aeronave.

Perguntas a serem respondidas

O ”I-plane” pode transportar cerca de cinco toneladas de carga ou 50 passageiros. Já como um exemplo, o Boeing 737 leva cerca de 20 toneladas de carga ou aproximadamente 200 passageiros.

O design que a equipe de pesquisa desenvolveu tem uma resposta para o problema de configuração aerodinâmica que os modelos de aviões hipersônicos já tinham. Mas há muitas questões que ainda precisam ser respondidas para que este design possa avançar.

Eles ainda não estão no estágio onde podem levar passageiros. Países como a China e os EUA estão, por outro lado, em uma corrida para desenvolver armas hipersônicas. Um veículo hipersônico permitiria que eles fossem facilmente usados no sistema de defesa antimíssil de outro país, por exemplo.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.

Para você que está procurando Bolsa de Estudo, temos bolsas de até 75% em mais de 1.200 faculdades de todo o Brasil. Encontre a sua Bolsa de Estudo clicando aqui.