Embora o Facebook tenha desistido de desenvolver o seu drone solar Aquila, muitas outras empresas continuam a correr atrás do objetivo de criar um drone que possa manter-se no ar portempo ilimitado apenas com a energia do Sol. Entre estes está o Odysseus, projeto apoiado pela Boeing, que vai mostrar o que vale já no próximo ano.

O Odysseus, desenvolvido pela Aurora Flight Sciences, está em desenvolvimento há alguns anos. A sua origem remonta ao Daedalus Project, projeto lançado pelo MIT na década de 1980 que bateu o record de voo de um avião solar tripulado em 1988, com uma muito simbólica viagem de 115 km sobre o mar Egeu, entre Creta e Santorini.

“O Odysseus, ideia que nasceu do Daedalus, é já hoje uma solução viável para o avanço da pesquisa sobre as alterações climáticas e outros problemas que afetam a nossa atmosfera”, afirmou John Langford, um dos líderes do projeto Daedalus e atualmente CEO da Aurora Flight Sciences, em nota.

“A Aurora foi fundada com a ideia de que a tecnologia e a inovação podem fornecer soluções poderosas para os complexos problemas que afetam toda a Humanidade”, acrescenta Langford.

O Odysseus tem como objetivo ser uma alternativa aos satélites, uma vez que permitirá criar plataformas de observação da Terra de alta altitude, mas com um custo de uma fração do de um satélite.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.

Para você que está procurando Bolsa de Estudo, temos bolsas de até 75% em mais de 1.200 faculdades de todo o Brasil. Encontre a sua Bolsa de Estudo clicando aqui.