Você agradecerá a si mesmo quando for mais velho se começar a tomar chá agora. Um estudo, liderado por pesquisadores da Universidade Nacional de Cingapura, Universidade Wuyi na China, Universidade de Essex e Universidade de Cambridge, afirma isso.

Frete GRÁTIS ilimitado, Filmes, Séries, Músicas e muito mais com Amazon Prime! Teste GRÁTIS por 30 dias aqui.

Ao tomar chás, seu cérebro organiza melhor suas diferentes regiões e, assim, melhora sua conectividade.

Isso pode oferecer um efeito protetor no envelhecimento do cérebro, conforme o estudo publicado na revista Aging.

Regiões cerebrais melhor organizadas

“Nosso estudo oferece a primeira evidência da contribuição positiva de consumir chá para a estrutura do cérebro e sugere um efeito protetor no declínio relacionado à idade na organização do cérebro”, disseram os pesquisadores do estudo.

A equipe fez essa descoberta comparando um grupo de consumidores de chá com outros que não tomavam chá. Eles observaram 36 adultos, com idade superior a 60 anos e coletando dados de neuroimagem.

O que a equipe descobriu foi que aqueles que tomavam chá verde ou chá preto, pelo menos quatro vezes por semana a mais de 25 anos, tinham regiões interconectadas com mais eficiência do que aqueles que não consumiam. Se você tem um cérebro fortemente interconectado, também possui uma função cognitiva saudável.

O líder do estudo, o professor Feng Lei, explicou o seguinte: “Tomemos a analogia do tráfego rodoviário como exemplo – considere as regiões do cérebro como destinos, enquanto as conexões entre as regiões do cérebro são as estradas”.

Feng continuou: “Mostramos em nossos estudos anteriores que os consumidores de chá tinham melhor função cognitiva em comparação aos que não bebem chá. Nossos resultados atuais relacionados à rede cerebral apoiam indiretamente nossas descobertas anteriores, mostrando que os efeitos positivos do consumo regular de chá são os resultado da organização cerebral aprimorada, provocada pela interrupção das conexões inter-regionais”.

Limitações ao estudo

Embora essa pesquisa traga boas notícias, ela tem suas limitações. Os resultados são baseados em um pequeno grupo.

Os pesquisadores tiveram dificuldade em encontrar voluntários apropriados para o estudo, uma vez que existem requisitos muito específicos: tomar chá regularmente, raramente beber chá ou nunca beber chá.

Além disso, os voluntários tiveram que ser consumidores de chá ou não, por mais de 25 anos.

O desempenho cognitivo e a organização cerebral estão intimamente relacionados, e a equipe afirma que são necessárias mais pesquisas sobre o assunto.

Observando essas conexões mais de perto, a equipe poderá encontrar uma maneira de preservar melhor a cognição e a função cerebral durante o processo de envelhecimento.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentário.