A Corporação de Aeronaves Comerciais da China (Comac, por sua sigla em Inglês) informou que conseguiu com sucesso fazer um novo avião que opera com base em baterias de hidrogênio e lítio.

O equipamento, conhecido como LQ-H, completou seu primeiro voo sem problemas no aeroporto de Zhengzhou, na província de Henan, na China central.

Uma parte importante deste projeto é a exploração de aeronaves que trabalham com novas fontes de energia menos poluentes, disse Comac.

“É uma das principais direções de pesquisa da indústria global de aviação para construir um sistema de transporte sustentável com baixas emissões de carbono usando energia de hidrogênio”, disse Yang Zhigang, designer do Instituto de Pesquisa de Ciência Aeronáutica e Tecnologia da Comac. .

Com este voo de teste, a aeronave mostrou que é completamente possível operar um meio de transporte com outras fontes de energia, mesmo que seja um modelo não tripulado. Um teste que também contribui para o retorno ao mundo feito pelo avião solar Impulse II em 2016.

Outra característica do LQ-H é que uma grande parte de sua estrutura de seis metros foi modelada graças a impressoras 3D e materiais compostos para reduzir o peso do dispositivo.

Segundo especialistas, os modelos equivalentes de seus principais concorrentes, os líderes de mercado, são o Boeing 737 norte-americano e o Airbus A320 europeu.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.

Quer ficar por dentro do assunto Smart City, o mais falado no Brasil e no mundo? Deixe seu e-mail e receba em primeira mão! clicando aqui.