A fabricante de eletrodomésticos Electrolux está realizando o Programa de Estágio em toda a América Latina, que visa recrutar jovens talentos para atuação nas áreas de Operações Industriais. Este processo conta com 24 vagas distribuídas entre as cinco plantas da região: seis vagas em Curitiba – PR, quatro em São Carlos – SP, quatro em Manaus – AM, quatro em Santiago (Chile) e mais seis em Rosário (Argentina). As vagas são para as áreas de Engenharia de Manufatura, Supply Chain e Manufatura nas cinco plantas, e em Curitiba, há oportunidades também para as áreas de Saúde, Segurança e Meio Ambiente, Controladoria de Operações e Recursos Humanos.

Em 2016, a primeira edição do programa contratou 14 estagiários na América Latina e, a partir de agora, a Electrolux espera expandir o processo para outras áreas. “Queremos sempre buscar profissionais de alta qualidade e competência, interessados em contribuir para o nosso Propósito de transformar a vida para o melhor. Investir em nossas pessoas é uma das principais formas de atingir o sucesso do negócio”, afirma Valmir Buscariolli, vice-presidente de Recursos Humanos da empresa.

Os candidatos devem estar matriculados no ensino superior nos diversos ramos dos cursos de Engenharia. Já para as vagas administrativas, os cursos requisitados são Engenharia, Administração, Economia, Contabilidade ou Psicologia, todos com previsão de graduação entre dezembro de 2019 e junho de 2020. Além disso, é preciso ter inglês avançado e Excel intermediário. Para participar, os interessados devem acessar o Portal de Carreiras, selecionar a localidade de interesse e se inscrever até o dia 27 de março. O processo seletivo conta com testes de Inglês, Excel, estudos de caso, dinâmica em grupo e também entrevista individual.

Durante o período de estágio, os selecionados terão a oportunidade de desenvolver o conhecimento em diversas áreas da empresa. Por meio do método de rotatividade, a cada seis meses eles migrarão entre diferentes setores, podendo escolher onde querem atuar no último período. Ao final de cada etapa, é preciso desenvolver um projeto, que deve ser aplicado na prática pela companhia. Os estagiários terão, ainda, um mentor para acompanhar as atividades e desempenho ao longo de todo o processo.

A Electrolux, por sua vez, visa formar profissionais qualificados para atuação no time da empresa a longo prazo. Por isso, após a vigência de dois anos do contrato, há a possibilidade de efetivação para jovens que se destacarem. O executivo da Electrolux, Ramez Chamma, é um exemplo da retenção de talentos. Em 1987, ele começou como estagiário na área de Engenharia e, hoje, atua como vice-presidente de Operações. “O Programa de Estágio é uma grande oportunidade aos jovens, pois há uma enriquecedora troca de experiência, mentoria e desafios que permitem o crescimento profissional”. Enfatiza Chamma.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.