A Renfe, concessionária ferroviária na Espanha, apresentou a reformulação do projeto de um trem de Alta Velocidade. O novo conceito, denominado EVA, reflete o caráter inteligente e tecnológico que os usuários buscam nas modernas soluções de mobilidade. As primeiras viagens vão acontecer já em 2019 entre Madrid e Barcelona.

A nova variante pode ser vista como a alternativa ‘low cost’ ao atual AVE, o ‘TGV Espanhol’, e que se destacará por ter preços inferiores entre 20 e 25% aos atuais.

Os novos comboios terão maior número de mesas, posicionadas entre bancos, assim como serão “100% conectados” graças à oferta de WiFi a bordo. A Renfe anuncia também a criação de grupos de WhatsApp para partilha de transportes no destino entre os viajantes. A bilheteria não terá suporte em papel o que atestará o carácter sustentável do projeto.

Outra novidade será a possibilidade de se contratar o serviço porta a porta que inclui soluções de viagem anexas em metro, carro autônomo ou táxi naquilo que terá a designação de ‘bilhete integrado’.

Os novos trens inteligentes de alta velocidade espanhóis realizarão cinco viagens por dia em cada sentido, ao que corresponde um potencial de 1,05 milhões de passageiros anual.

Já em 2020 eles pretendem que as viagens aconteçam ao restante das redes ferroviáriaa de Alta Velocidade espanhola.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.