Avanços na eficiência e produção de energia de painéis solares são necessários. Uma equipe de engenheiros do MIT  criou torres de painéis solares que podem aumentar a produção de energia em mais de 20 vezes! As células foram testadas em diferentes ambientes geográficos, elas tiveram o melhor desempenho em lugares longe da linha do equador e em dias nublados, em comparação com os painéis solares tradicionais. Este novo conceito foi publicado na revista Energy and Environmental Science.

No verdadeiro espírito da engenharia, primeiro a equipe construiu um algoritmo de computador para analisar o melhor layout de painéis solares para maximizar a produção em vários ambientes. Não só o novo layout para aumentar a produção, mas tornar as células menos suscetíveis a mudanças com relação a dias nublados e assim trazer uma taxa de produção de energia mais uniforme.

Há um lado negativo no entanto, devido ao seu design estrutural que aumentou, óbvio, é necessário mais material para instalar os painéis, essas estruturas custam muito mais do que uma estrutura tradicional de placas fotovoltaicas. Este aumento do custo é largamente compensado pela produção adicional de energia mais estável, de modo que o projeto ainda tenha um certo potencial.

GA

Como cada célula não é simplesmente instalada em uma direção, as torres podem coletar a energia de maneira uniforme em todos os momentos do dia para que haja a mesma quantidade de energia produzida, desde o nascer ao por do sol.

É o momento certo para esta inovação como o custo das células solares continuam caindo com os avanços na eficiência e produção. As células solares acabarão por se tornar mais baratas o suficiente para que quando combinada com esta estrutura vertical, a produção de energia possa ser maximizada e sustentada.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.

 

Quer ficar por dentro do assunto Smart City, o mais falado no Brasil e no mundo? Deixe seu e-mail e receba em primeira mão! clicando aqui.