Aplicativo Second Chance

Todos os dias 115 americanos morrem de overdose. De todos os compostos associados a esta epidemia, o fentanil é de longe o maior assassino. Anualmente, esses tipos de drogas causam mais mortes nos Estados Unidos que a violência com armas de fogo e acidentes de trânsito.

Mas, se detectada precocemente, a overdose de opioides é completamente reversível. E um novo aplicativo para smartphone pode ajudar a salvar algumas dessas vidas, eles os nomearam de Second Chance.

O sistema é capaz de identificar que seu usuário sofreu uma overdose e ligar para sua família ou serviço de emergência para pedir ajuda.

O aplicativo foi desenvolvido por uma equipe da Universidade de Washington (EUA), transforma o smartphone em um sonar graças ao alto-falante embutido e ao microfone. Em seguida, um algoritmo analisa a frequência das ondas sonoras refletidas para identificar se a respiração do usuário diminuiu ou parou (apnéia) ou se a pessoa parou de se mover, tudo o que poderia indicar que teve uma overdose.

O sistema foi testado em 194 participantes que usaram heroína, fentanil ou morfina em uma instalação supervisionada em Vancouver, Canadá. Os testes identificaram apnéia com precisão de 97,7% das vezes e respiração lenta de 89,3%. Todos os participantes que sofreram uma overdose foram ressuscitados pela equipe do centro.

O aplicativo também conseguiu detectar 19 das 20 overdoses simuladas em uma sala de cirurgia, onde anestésicos eram usados ​​para realizar a simulação. Os resultados foram publicados na revista Science Translational Medicine.

Saiba mais em UW News.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.

Para você que está procurando Bolsa de Estudo, temos bolsas de até 75% em mais de 1.200 faculdades de todo o Brasil. Encontre a sua Bolsa de Estudo clicando aqui.