Em um painel na Comic Con Experience – CCXP 2018, Kelly Port, supervisor de efeitos visuais da Digital Domain, uma produtora estadunidense de efeitos especiais e visuais para filmes de cinema, que chegou até a produzir o filme Titanic de James Cameron, revelou que são necessários 98.304 HDs de 1TB para armazenar todos os arquivos originais de efeitos visuais de Vingadores: Guerra Infinita.

Todas as renderizações do longa, ocupam ao todo, 96 Petabytes de espaço. Um Petabyte equivale a 1.024 Terabytes. Daí tiramos a idéia da grandiosidade que estamos falando!

Como dito anteriormente sobre Titanic, Port conta que o filme naquela época que foi produzido ocupou apenas um Terabyte de espaço. Assim, podemos imaginar a escala da complexidade de Guerra Infinita.

A Digital Domain trabalhou ao lado de outras 13 empresas no desenvolvimento dos efeitos visuais do longa.

No filme, estreado no Brasil em abril de 2018, Homem de Ferro, Thor, Hulk e os Vingadores se unem para combater seu inimigo mais poderoso, o maligno Thanos. Em uma missão para coletar todas as seis pedras infinitas, Thanos planeja usá-las para infligir sua vontade maléfica sobre a realidade. De acordo com sites especializados em cinema, a bilheteria do filme rendeu mais de 2 bilhões de dólares.

Confira o trailer abaixo:

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! xD

Deixe-nos a sua opinião aqui nos comentários.

Quer ficar por dentro do assunto Smart City, o mais falado no Brasil e no mundo? Deixe seu e-mail e receba em primeira mão! clicando aqui.